Limpeza doméstica x Limpeza profissional

De acordo com o Wikipédia, limpeza consiste no ato de retirar impurezas de um ambiente, material ou corpo. Seu objetivo é garantir a manutenção espiritual e mental, além da manutenção física.

Ela pode ser dividida especialmente em dois grupos em nosso dia a dia: limpeza doméstica e a limpeza profissional.

A primeira diz respeito a uma limpeza mais simples. Esta utiliza produtos comercializados em supermercados e minimercado, por exemplo. Não há qualquer especificação e, geralmente, são utilizados por donos e donas de casa ou empregados domésticos para uso geral.

Já a segunda, se refere a uma limpeza mais completa. Ela utiliza produtos de limpeza profissional, e até mesmo equipamentos, específicos para cada segmento. Assim como precisam ser autorizados por órgãos fiscalizadores.

Além da fiscalização da Anvisa e demais órgãos, os públicos de uma empresa estão cada vez mais exigentes e atentos.

A falta de limpeza e higiene profissional podem resultar em sérias consequências para a saúde de funcionários e clientes, para imagem da organização, bem como para o bolso do proprietário e caixa da empresa.

Problemas causados pela falta de limpeza profissional

Dentre os maiores problemas que a falta da limpeza profissional pode trazer para sua empresa, destaca-se:

  • Proliferação de doenças infecciosas e consequentes faltas de colaboradores;
  • Queda da qualidade de vida dos colaboradores;
  • Minimização da produtividade da empresa;
  • Deterioração dos equipamentos e materiais;
  • Diminuição da motivação entre colaboradores;
  • Aumento da rotatividade de profissionais;
  • Diminuição de clientes e consequente queda no lucro da empresa;
  • Desvalorização da empresa e da marca no mercado;
  • Dentre outras.

Limpeza profissional como vantagem aos clientes

Uma empresa limpa e organizada permite a formação de uma imagem positiva junto aos clientes. Afinal, demonstra zelo, cuidado e preocupação com o bem-estar deles.

Assim os clientes formam uma imagem que, se a empresa se preocupa com a limpeza e organização interna, com certeza terá o mesmo cuidado nos demais processos realizados. Tais como produção e distribuição por exemplo, passando maior confiabilidade e segurança para eles.

Em um restaurante, por exemplo, um ambiente limpo e organizado, bem como com pratos, copos e talheres limpos, é sinônimo de um bom restaurante que pode ser frequentado sem qualquer incerteza ou dúvidas.

Já em condomínios e prédios comerciais, a limpeza e organização garantem uma maior valorização do imóvel. Bem como promove o bem-estar entre os moradores e visitantes, além de favorecer a saúde. Tudo isso, aumenta a satisfação dos moradores em pertencer a este local. Este assunto você pode ver com mais detalhes neste artigo aqui.

Em suma: independente do ramo de atividade de uma empresa, a limpeza profissional é observada e levada muito em consideração. Principalmente ao avaliar se um local é bom e deve ser frequentado ou não.

Limpeza como vantagem aos colaboradores

São inúmeros os fatores que influenciam o trabalho dos profissionais de uma empresa. Por exemplo: temperatura e iluminação do ambiente, organização, barulho, espaço, higiene e limpeza, etc.

Em princípio, a limpeza profissional e a higiene favorece a saúde e as necessidades fisiológicas dos indivíduos. Bem como beneficia o desenvolvimento, a conduta e a alta performance da empresa.

Isso ocorre pois, ao se trabalhar em uma empresa que se preocupa com o bem-estar, os funcionários se sentem mais motivados e exercem suas funções de forma mais eficaz e eficiente, aumentando a produtividade.

Além disso, a limpeza também promove uma retenção de talentos, que está intimamente ligada à valorização das pessoas. Com um ambiente limpo e organizado, os profissionais se sentem valorizados, o que diminui a rotatividade e também o custo com processos seletivos, treinamentos e capacitações.

Outro fator relevante a ser considerado, é que com uma limpeza profissional, há uma melhor conservação de equipamentos e materiais, já que a limpeza, por ser uma rotina constante, acaba por diminuir o gasto com trocas, substituições ou recompras de novas peças, equipamentos e outras ferramentas.

Conclusão

Em conclusão, a limpeza e higiene profissional de uma empresa está intimamente ligada à produtividade, motivação e satisfação de seus colaboradores, bem como com a imagem do negócio no mercado.

Por isso, é de suma importância dar uma atenção especial para este assunto dentro do seu negócio.

Desta forma, busque sempre por produtos profissionais que sejam aprovados pela legislação e também por organizações confiáveis no mercado.

Por exemplo, dê preferência por papel higiênico interfolhado ao invés daqueles “rolinhos” utilizados em residências, estes últimos são anti-higiênicos por ficarem expostos, além de serem mais caros.

Opte também por produtos desinfetantes concentrados profissionais ao invés dos famosos multi-usos de meio litro encontrado em supermercados. Não se deixe enganar: se colocar na ponta do lápis, produtos de limpeza profissional são sempre o melhor custo-beneficio para empresas.

Também leia sempre as recomendações de cada produto e peça orientação quanto a sua utilização. Além de treinamentos para seus funcionários da área da limpeza, garantindo assim uma maior economia e uma limpeza mais efetiva.

Desta forma, você estará garantindo uma maior saúde e bem-estar para todos os seus funcionários e clientes, além de aumentar a sua produtividade, lucro e posicionamento no mercado.

Quer saber como a Hygibras pode lhe ajudar com a limpeza profissional da sue empresa?

Clique aqui e conheça nossos produtos de limpeza profissional.

Fontes: