O que é o teste de limpeza ATP?

O teste de limpeza ATP é uma ferramenta para monitorar o nível de limpeza de um ambiente, este é o teste mais conhecido e sua atuação acontece da seguinte forma: amostras são coletadas por meio de um cotonete específico e submetidas à técnica da bioluminescência, que identifica a quantidade de adenosina trifosfato (ATP) nas superfícies e ambientes.

“A nossa empresa fornece todos os produtos de limpeza, além de todo o suporte com treinamentos com a técnica mais segura para o uso. Clique aqui e escolha como nos contatar”

Iremos mostrar os principiais métodos de avaliação de limpeza e desinfecção e apresentar a inovadora solução do OPTIGLOW ( apoio fundamental no treinamento )  como prática e de ótima relação de custo e beneficio. O Optiglow esta ao alcance de qualquer pessoa e não depende de laboratórios, laudos ou outras empresas.

Qualquer pessoa pode validar seu processo de limpeza com o Optiglow !!

Limpeza feita, limpeza garantida. Não é bem assim. Para que os procedimentos de higienização sejam validados, as superfícies e ambientes submetidos a eles devem passar pelos chamados testes de limpeza. Os testes de monitoramento da limpeza confirmam, ou não, a eficácia da desinfecção.

Os testes são fundamentais para assegurar um espaço livre de sujidades e microrganismos, principalmente, quando se tratam de estabelecimentos ligados ao cuidado com a saúde, como postos de saúde, hospitais e clínicas médicas e odontológicas, além de espaços voltados ao preparo e consumo de alimentos, como restaurantes e indústrias alimentícias.

Para esclarecer dúvidas e apresentar as novas tecnologias disponíveis para o monitoramento e avaliação da limpeza profissional preparamos este artigo. Acompanhe com a gente! Se desejar pode navegar entre os tópicos!

O que é o teste atp?

Quais os métodos de monitoramento da limpeza

Qual a importância da checagem das atividades de limpeza e desinfecção?

Conclusão

teste de limpeza atp

Quais os métodos de monitoramento da limpeza profissional?

Monitorar os procedimentos de limpeza e higienização em ambientes industriais e de saúde pode ser feito de diferentes formas e metodologias.

Um estudo publicado pela Revista Brasileira de Enfermagem, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, a “inspeção visual e culturas microbiológicas são os métodos mais comuns para avaliar a eficiência da limpeza e desinfecção de superfícies clínicas altamente tocadas (SCAT) e próximas a pacientes (…).”

O artigo ressalta que a inspeção visual, mesmo sendo de maneira simples e relativamente barata, pode até cumprir obrigações estéticas, mas não fornece informações objetivas dos níveis de limpeza obtidos e risco de infecção.

Porém os métodos de culturas microbiológicas apresentam alta sensibilidade e especificidade, mas trata-se de algo demorado, oneroso e dispendioso, “além de requerer diversos equipamentos e insumos, laboratório de microbiologia e pessoal especializado”.

Sendo assim, houve a necessidade de desenvolver outras formas de monitoramento e teste de limpeza. Vamos conhecer algumas delas:

Teste de limpeza ATP? (Adenosine TriPhosphate)

atp

O teste de limpeza atp é a medição do trifosfato de adenosina ( teste de limpeza ATP ) orgânica, nucleotídeo responsável pelo armazenamento de energia em suas ligações químicas, em superfícies ficou popular na última década por sua objetividade, comercialização, fornecimento de dados quantitativos e possibilidade de feedback imediato.

O teste de limpeza ATP é o mais conhecido e sua atuação acontece da seguinte forma: amostras são coletadas por meio de um cotonete específico e submetidas à técnica da bioluminescência, que identifica a quantidade de adenosina trifosfato (ATP) nas superfícies e ambientes.

A adenosina trifosfato são moléculas de energia universal encontradas em todos os animais, vegetais, bactérias, células de leveduras e bolores, ou seja, em resíduos conhecidos como alimentares e orgânicos.

Estes resíduos podem abrigar bactérias e desenvolver biofilmes. Assim, o alto índice de presença de ATP indica prejuízo na qualidade do produto e áreas sanitizadas.

Em suma, este tipo de monitoramento deve indicar, após a realização da limpeza, que todas as fontes de ATP foram reduzidas de forma significativa. O ATP, no entanto, não é capaz de determinar qual bactéria ou microrganismo se mostra resistente e permanece ali, além de se tratar de uma tecnologia de alto custo.

O que é o teste SWAB?

swab

O método SWAB atua na coleta de amostras e na identificação dos agentes patogênicos presentes nos produtos e superfícies. Trata-se, assim, da detecção direta de patógenos.

Realizar a coleta das swabs das superfícies e as análises desses patógenos são ações de verificação importantes, no entanto, não servem como medidas de correção imediata, já que o tempo mínimo para obter os resultados é de um dia.

A metodologia da SWAB permite a quantificação dos níveis microbianos em superfícies – como aeróbios, contagem de coliformes ou contagem de bolores e leveduras – e oferece uma visão sobre a eficiência, ou não, da sanitização.

Importante destacar que fazer swabs para contagem microbiológica é importante como medida da eficiência da sanitização, mas não da limpeza.

Optiglow SF

monitor de limpeza

Além das duas tecnologias citadas acima, há uma nova que se destaca: o Optiglow SF, que surge como alternativa mais prática e acessível em relação ao teste de limpeza ATP, além de se tratar uma ferramenta importante no treinamento de equipes.

Optiglow SF é uma solução em spray composta de um agente que pode ser observado sob luz ultravioleta, com alto comprimento de onda.

Esta substância simula a presença de germes invisíveis a olho nu e, quando destacada pela luz, mostrando ao profissional responsável o quanto é importante realizar a limpeza e higienização dos produtos e das superfícies de forma correta.

Nesse aspecto, o método capacita e desperta a atenção e o cuidado da equipe de limpeza. Ele também é capaz de identificar falhas no processo e ajudar na elaboração de técnicas mais eficazes de limpeza.

Outro benefício é que, em relação às outras tecnologias de monitoramento da limpeza, Optiglow SF é prático e tem excelente custo benefício, além de não requerer treinamento complexo para seu uso.

Como Optiglow pode ser usado?

O Optiglow pode ser usado para inspeção visual, como marcador fluorescente:

sem o conhecimento da equipe, marca-se o ambiente com o spray e, após a limpeza, com uma luz negra, checa-se se as marcas foram removidas durante o procedimento.

Por meio desse teste é possível também verificar  se existiu a ação mecânica com o pano umedecido ou não. Em casos de hospitais a eficácia do produto utilizado para limpeza e desinfecção da superfície será validado pela equipe de CCIH através de laudos.

O que é Placa de Ágar?

placas de agar

Este método é feito por placas com Ágar, nas quais é possível identificar unidades formadoras de colônia UFC.

O teste é muito preciso, pois identifica qual microrganismo ainda resiste na superfície, mesmo depois de limpa e desinfetada e consegue direcionar as ações para correção ou alteração do processo.

Importante destacar que esta avaliação tem custo mais elevado que a opção anterior e precisa de cinco dias para se obter o resultado.

Qual a importância da checagem das atividades de limpeza e desinfecção?

De acordo com o manual de Validação de Limpeza para Farmoquímicas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), uma das formas mais eficazes de se controlar a contaminação e a contaminação cruzada nesses ambientes é a validação de limpeza.

De forma geral, a validação de limpeza trata-se de uma evidência documentada de que os procedimentos de limpeza realizados no local  removem, de fato, resíduos a níveis pré-determinados de aceitação.

O material da Anvisa destaca os elementos que devem compor um esboço básico no estudo de validação de limpeza.

Veja só:

  1.  definição dos critérios de aceitação;
  2. definição dos procedimentos de limpeza, incluindo: identificação do equipamento; caracterização dos produtos (produto prévio – atividade-toxicidade, solubilidade e produto subsequente – dosagem e tamanho de lote) e determinação e caracterização dos agentes de limpeza;
  3. desenvolvimento dos métodos analíticos e suas respectivas validações;
  4. desenvolvimento dos procedimentos de amostragem e respectivas validações necessárias;
  5. preparação do protocolo de validação e do plano de teste;
  6. preparação do relatório de validação.

Conclusão:

Os testes de limpeza e monitoramento são ferramentas importantes na manutenção da higienização e das boas condições sanitárias em estabelecimentos comerciais, industriais e de saúde. As tecnologias estão a serviço das pessoas para que os ambientes sejam lugares de preservação e cuidado com a saúde e o bem-estar de todos.

Antes de encerrar, no entanto, é necessário reforçar que os procedimentos de limpeza e higienização só são seguros e eficazes quando feitos com produtos de qualidade, certificados, autorizados e de uso profissional.

Hygibras: Monitor de Limpeza-Alternativo ao Teste de Limpeza ATP Optiglow®Sf

A Hygibras, completa em sua gama de material de limpeza profissional e acessórios, possui o monitor Optiglow SF da Oleak. A ferramenta realiza o monitoramento de superfícies, indicando se a limpeza foi ou não feita.

A tecnologia foi  desenvolvida ainda para ajudar no treinamento dos profissionais nas técnicas mais eficazes de limpeza de superfícies e para mantê-los constantemente atualizados além de ser uma ótima alternativa para o teste de limpeza atp.

Cada kit possui um frasco 160 ml do Optiglow SF e uma lanterna UV. Nosso sistema de validação de protocolo de limpeza possui, além do monitor de superfícies, um outro de validação de higiene das mãos.

Para conhecer mais da Hygibras e nossos outras soluções em limpeza profissional, acesse nosso site!

Se deseja assistir o video sobre o Optiglow, alternativa ao teste de limpeza atp, clique aqui.

Fontes:

ANVISA

Revista Brasileira de Enfermagem