Você é um “Pet lover”? Essa é a forma como os donos de animais de estimação (os “pets”) se autodenominam hoje em dia, ou pelo menos, a maioria deles.

Pessoas que dedicam muita atenção, amor e dinheiro para cuidar de seus pets. Alimentação, medicamentos, produtos de higiene e limpeza, tudo fabricado e vendido de forma específica para seus bichinhos.

Esqueça aquele passado em que “vida de cão” era um termo para descrever uma existência difícil e cheia de tristeza, pois muitos pets levam, atualmente, uma vida de rei.

Benefícios para a sua vida

Essa mudança de atitude em relação aos bichos tem uma razão científica. Já há alguns anos, estudos diversos mostraram que ter um pet traz benefícios à vida humana. Dentre esses, pode-se citar:

  • Socialização;
  • Alívio de stress;
  • Redução da pressão arterial;
  • Combate à depressão;
  • Estímulo à prática de exercícios físicos, dentre outros.

Portanto, nada mais normal que retribuir tanta coisa boa com bons tratos e dignidade. Por isso, todo o mercado dedicado ao cuidado dos pets vem crescendo vertiginosamente no Brasil.

O Mercado Pet

Em 2015, o IBGE divulgou dados de 2013 mostrando que haviam no Brasil 52 milhões de cachorros e 22 milhões de gatos, ou seja, nada menos que 44% dos lares brasileiros possuem, pelo menos, um cachorro.

Isso significa que existiam mais cachorros domésticos do que crianças (44,9 milhões). De acordo com a Abinpet (Associação Brasileira da Indústria de produtos para animais de estimação), nosso país é o quarto do mundo em população total de pets, uma demanda enorme para produtos veterinários.

De acordo com a Junta Comercial do Estado de São Paulo, entre 2014 e 2016, o número de empresas relacionadas ao mundo dos pets cresceu 80%, com um faturamento anual, em 2015, de 18 bilhões de reais e não se abalou com a crise dos anos anteriores.

Esse mercado pungente de produtos oferece de tudo: hospitais 24 horas, padaria com alimentos e ambientes destinados aos cachorros, móveis feitos sob medida e produtos de limpeza que não agridem os pets.

Produto de limpeza para seu pet

Sim, para quem tem um animal de estimação existem restrições sérias quanto à utilização de produtos que possam afetar a saúde deles.

A recomendação é comprar desinfetantes, por exemplo, recomendados pelo veterinário e que são vendidos em lojas especializadas. Ou seja, aqueles produtos que normalmente usamos para limpar os ambientes como água sanitária, cloro, desinfetante comum ou mesmo detergente são impróprios para os pets.

Nós tratamos em um outro artigo, sobre os perigos da água sanitária. Para saber mais, clique aqui

Veja abaixo uma lista de componentes químicos que são proibidos para quem tem um bichinho em casa:

  • Ácidos bórico, fosfórico, sulfúrico, clorídrico e oxálico;  
  • Amônia;
  • Bissulfeto de sódio;
  • Hidróxido de sódio e potássio; 
  • Hipoclorito de sódio; 
  • Óxido de cálcio, peróxido ou silicato de sódio; 

São nomes complicados e difíceis de memorizar, mas vale a pena conhecê-los pensando na segurança dos animais de estimação.

Conclusão

De qualquer maneira, produtos de limpeza e higiene vendidos nos petshops são destinados a eles e são seguros. Afinal, o amor aos pets está relacionado, não somente a brincadeira e carinho, mas também ao cuidado da saúde e do ambiente do seu bichinho.

Os pets nos trazem alegrias e benefícios, por isso cuidar deles é tão importante e gratificante. Seguindo essas dicas simples, eles estarão protegidos e vivendo em ambiente seguro, garantindo uma vida saudável e longeva.

Curta seu pet e seja feliz!

Fonte: