Guardanapo de papel é uma espécie de pequena toalha, usada durante as refeições, cujo objetivo é a higiene pessoal. Ou seja: para limpar os dedos, lábios ou até evitar que a roupa fique suja.

Existem vários modelos de guardanapos no mercado que são mais e menos eficientes para a limpeza. E isso, irá depender da qualidade do papel, bem como a forma com que é produzido.

Por isso, ao escolher o melhor guardanapo para o seu negócio, é de suma importância levar em consideração tais questões. Desta forma, a empresa não sai no prejuízo e pode lucrar mais ao final do mês.

Se você quer saber como a escolha correta pode te gerar mais lucro, fique aqui conosco.

Guardanapo de papel: uma forma de economizar dinheiro

Geralmente, donos de empreendimentos buscam diminuir seus gastos a fim de equilibrar as despesas, mantendo a sua qualidade, nas diversas áreas das empresas.

No ramo alimentício, os guardanapos são essenciais para higiene pessoal e boa imagem organizacional. Afinal, os clientes, mesmo que inconscientemente, analisam o tipo de papel e até mesmo o suporte de papel utilizado, para então gerarem uma imagem mental do negócio, que pode ser positiva ou negativa, dependendo dos produtos que utilizam.

Tentando ampliar seu olhar para formas de lucrar mais no seu negócio, separamos algumas dicas e alguns fatores que devem ser analisados durante a compra de guardanapo e porta guardanapo.

Modelos de guardanapos

Existem no mercado alguns tipos de guardanapos. Os mais conhecidos são: Interfolhado, Convencional, Folhas Duplas ou Folhas Simples, Coloridos,etc. Cada um deles possuem suas características e se adequam a cada tipo de negócio.

Por isso, é importante avaliar qual será o ideal para você, baseado no seu negócio e também no impacto que causará em seu cliente.

Um papel de baixa qualidade e baixa absorção, pode resultar em uma imagem negativa da sua empresa, já que no ambiente, os aparelhos e papéis utilizados estão intimamente ligados aos serviços que você oferece para completar a experiência de consumo e compra de seu cliente.

A resistência do papel deve ser alta nos guardanapos, porém ele não deve ser tão resistente a ponto de ser “sedoso” e esparramar a sujidade a ser absorvida.

Desta forma geraria um consumo extremamente alto, onde o baixo valor unitário será multiplicado por dezenas de unidades, ficando a higienização por cliente, muito cara.

Papel Convencional

O modelo convencional é usado sobre a mesa, e pode ser dobrado de maneiras diferentes, a fim de impressionar o seu cliente, ou com uma dobradura simples apenas como composição da mesa.

Você encontrará papéis de diferentes tipos, medidas e poder de absorção: de folha simples ou dupla, em formato quadrado ou retangular, decorado ou liso. Tudo vai depender da atenção que deseja dispensar aos consumidores.

Papel Interfolhado

Este modelo geralmente é utilizado em porta guardanapos e também possuem diferentes tamanhos e tipos de folha (simples ou dupla), que interferem diretamente na absorção e limpeza.

De forma geral, quanto mais tipos de folha em um guardanapo, maior a maciez e a limpeza que o produto proporciona. Desta forma, será necessária uma quantidade menor de guardanapo por usuário.

Tipos de porta guardanapo de papel

Conhecidas pelo nome de Guardanapeiras, existem diferentes modelos no mercado: eles podem ser mais simples ou mais tecnológicos, com ou sem artes personalizadas.

Alguns tipos de porta-guardanapos ajudam a reduzir o gasto de guardanapos de papel, o que auxilia na economia e lucro da sua empresa. Por isso é importante buscar por porta-guardanapos que se adequem ao papel que deseja comprar.

Existe também um modelo que permite a colocação de propagandas e promoções, em formato de folheto, na frente do dispenser de modo que fique visível para os clientes. Desta forma, o estabelecimento personaliza seu suporte de papel e aumenta suas chances de alavancar suas vendas.

Para ver este modelo de porta guardanapo, CLIQUE AQUI!

Guardanapos personalizados

Inegavelmente muito conhecido pelas lanchonetes, essa característica tem muitos adeptos visando divulgar a marca.

Alguns fabricantes não aprovam tal personalização devido a muitos clientes acharem ruim o fato de ter uma tinta no guardanapo. Certamente temos muitas opiniões quanto a isso. Seria esse o local adequado para se fazer publicidade?

Talvez sim, talvez não. Fica ao critério do proprietário do estabelecimento analisar se a personalização adiciona um custo ou se valoriza o local.

Preço e qualidade do papel do guardanapo

É importante avaliar o custo benefício do guardanapo que escolheu comprar. Nem sempre os mais baratos são realmente os mais econômicos.

Geralmente, o papel mais barato é de baixa qualidade. Fazendo com que os clientes ou os funcionários precisem usar uma quantidade maior de folhas para fazer a limpeza corretamente.

O resultado disso é que, ao invés de gerar economia, aumentam o gasto da sua empresa. Por isso, o recomendado é sempre avaliar, além do preço, a qualidade de limpeza do produto.

Mas e os guardanapos de tecido?

Além dos guardanapos de papel, existe também os guardanapos de tecido. Eles também podem ser decorados ou lisos e de diferentes cores e tamanhos.

Entretanto, pelo fato de não serem descartáveis e serem feitos em tecido, tendem a acumular sujeiras e bactérias. Além dos restaurantes serem obrigados a higienizá-los após o único uso. O que resulta em um maior gasto para a empresa.

Para a sua higienização é necessário a dedicação de tempo, água e materiais para lavagem, o que aumenta o gasto com tal produto e pode diminuir o lucro da sua empresa.

Conclusão – guardanapos podem ser lucrativos

O lucro do seu negócio pode vir de diferentes formas. Muito além de apenas vender e atrair mais clientes, é importante reduzir os seus gastos, mas sempre prezando a qualidade e o impacto que o seu cliente terá. Afinal: as vezes o barato sai caro.

Escolhendo o guardanapo de papel e o porta guardanapo corretamente, você está aumentando o seu lucro, gerando economia e reduzindo seus gastos, além de demonstrar ao cliente uma preocupação e um cuidado com a sua higiene.

Fontes

Anvisa